quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Novidade da Marcador para Outubro

Uma Mulher Respeitável, de Célia Correia Loureiro
Sinopse: Pouco depois de se casar, a sorte do conde de Cerveira sofre umrevés. Uma série de infortúnios deixam-no à beira da ruína financeira,e não demora muito para que comece a desconfiar dosintentos da estranha de beleza intrigante que desposou. Perantea dúvida, decide enviar Leonor Sanches para um exílio temporáriojunto do tio, que ensina na prestigiada Trinity College, emDublim. Conforme a epidemia de cólera vai ceifando as vidas decristãos e anglicanos na Irlanda, também o coração de LeonorSanches se oferece à tragédia. Cinquenta anos depois de perder o seu bem mais precioso paraas tropas de Napoleão, Mariana Turner sente que está a umpasso de descobrir toda a verdade sobre os acontecimentos deMarço de 1809. Novas revelações apontam para que a condessade Cerveira, encarcerada no Porto, seja a chave para resolver omistério. Munida de uma determinação inabalável, tudo farápara conseguir deslindar o passado de Leonor Sanches -fidalgae anjo caído.

Disponível a partir de dia 6.

terça-feira, 27 de setembro de 2016

Novidades da Editorial Presença para Outubro

Harry Potter e a Câmara dos Segredos, de J. K. Rowling com ilustrações de Jim Kay
Sinopse: Quando Dobby, o elfo doméstico, aparece em Private Drive insistindo que Harry Potter não deve voltar a Hogwarts, Harry suspeita que o seu arquirrival, Draco Malfoy, estará por detrás deste aviso. Depois de ser salvo dos terríveis Dursleys por Ron Weasley - num carro voador - Harry passa o resto do verão na «Toca». A vida com os Weasleys é tão rica em distrações mágicas que Harry logo esquece os avisos ansiosos de Dobby. Mas entretanto, num corredor escuro da escola, é encontrada uma sinistra mensagem escrita que parece confirmar as previsões de Dobby, de que coisas terríveis estão para acontecer… Jim Kay, vencedor do Kate Greenaway Award, evoca de forma extraordinária o mundo da feitiçaria, nesta edição profusamente ilustrada do segundo livro da série clássica escrita por J.K. Rowling - perfeito para os inúmeros fãs da série e para os novos leitores de Harry Potter.

Disponível a partir de dia 19.



A Carreira do Mal, de Robert Galbrath
Sinopse: Quando recebe um misterioso embrulho, Robin Ellacott fica horrorizada ao descobrir que lá dentro se encontra a perna de uma mulher. O seu chefe, o detetive privado Cormoran Strike, mostra-se menos surpreendido mas está igualmente alarmado. Strike calcula que quatro pessoas do seu passado possam ser os responsáveis ? e sabe que qualquer uma delas é capaz de semelhante brutalidade. Com a polícia concentrada num suspeito que Strike considera não ser o culpado, este e Robin decidem investigar os mundos sombrios e retorcidos dos restantes três suspeitos. No entanto, à medida que se desenrolam mais acontecimentos macabros, o tempo esgota-se…

Disponível a partir de dia 7.


segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Novidade de Gradiva para Outubro

Vaticanum, de José Rodrigues dos Santos
Sinopse: Um comando do Estado Islâmico entra clandestinamente no Vaticano e o papa desaparece. Horas depois surge na Internet um vídeo em que os terroristas mostram o sumo pontífice em cativeiro e fazem um anúncio chocante. O papa será decapitado em direto à meia-noite.O relógio começa a contar.O rapto do papa desencadeia o caos. Milhões de pessoas saem às ruas, os atentados sucedem-se, multiplicam-se os confrontos entre cristãos e muçulmanos, vários países preparam-se para a guerra. Apanhado no epicentro da crise quando trabalha nas catacumbas da Basílica de São Pedro, Tomás Noronha vê-se envolvido na investigação para descobrir o paradeiro do papa e cruza-se com um nome enigmático. OMISSIS A pista irá conduzi-lo ao segredo mais sombrio da Santa Sé. Usando informação genuína para nos revelar o que se esconde nos bastidores do Vaticano, o escritor favorito dos portugueses está de regresso com o thriller do ano. Com "Vaticanum", José Rodrigues dos Santos mostra uma vez mais por que razão é considerado o mestre do mistério real.

Disponível a partir de dia 6.
 

Opinião: Viver Sem Ti (#2)

Título Original: After You (2015)
Autor: Jojo Moyes
Tradução: Ana Maria Chaves e Márcia Montenegro
ISBN: 9789720048851
Editora: Porto Editora (2016)

Sinopse: 

Como seguir em frente depois de se perder a pessoa amada?Como construir uma vida que valha a pena ser vivida? Louisa Clark já não é uma jovem banal a viver uma vida banal. O tempo que passou com Will Traynor transformou-a, sendo agora uma pessoa diferente que tem de enfrentar a vida sem ele. Quando um insólito acidente obriga Lou a regressar a casa dos pais, é impossível não sentir que está de volta ao ponto de partida. Lou sabe que precisa de um empurrão que a traga de novo à vida. E é assim que acaba por ir parar ao grupo de apoio Seguir em Frente, cujos membros partilham sentimentos, alegrias, frustrações e bolos intragáveis. Serão também eles que a levarão até Sam Fielding – um paramédico que trabalha entre a vida e a morte, e o único homem que talvez seja capaz de a compreender. Mas eis que uma personagem do passado de Will surge de repente e lhe altera todos os planos, lançando-a num futuro muito diferente…. Para Lou Clark, a vida depois de Will Traynor significa reaprender a apaixonar-se, com todos os riscos que isso implica. Em "Viver Sem Ti", Jojo Moyes traz-nos duas famílias, tão reais como a nossa, cujas alegrias e tristezas nos tocarão profundamente ao longo de uma história feita de surpresas.

Opinião:

Sabem quando lêem um livro que adoraram e depois descobrem que, afinal, há uma continuação? Conhecem aquele sentimento de, por um lado, existir um grande entusiasmo e, por outro, também haver algum receio de que a história de que tanto gostaram poder perder muita da beleza que tinha devido aos novos desenvolvimentos? Pois foi com este misto de emoções que iniciei a leitura de Viver Sem Ti. Assim que tive esta nova obra de Jojo Moyes nas mãos tive de a começara ler, mas não sem temer elo que iria acontecer. Mas deixem já que vos diga que, terminada a leitura, senti-me feliz e conquistada.

Tendo terminada a leitura de Viver Depois de Ti com um sorriso de uma sensação de esperança, apesar de toda a tristeza, foi com alguma desilusão que percebi o que tinha acontecido a Louisa imediatamente a seguir. Porém, não consegui deixar de pensar que tudo aquilo fazia sentido. A situação que ela atravessou não é fácil e coloca tudo em perspectiva. Felizmente, com o avançar da leitura, percebi que a autora estava a levar esta protagonista, que já conquistou um lugar de destaque, por um caminho de superação.

Não quero fazer grandes revelações sobre esta história, pois tem muitas surpresas que fazem ligação com o livro anterior. Posso, contudo, dizer-vos que a forma como a autora conseguiu recuperar uma trama que, à partida, já estava terminada, foi feita com grande mestria. Aquelas são as mesmas personagens de Viver Depois de Ti, os novos dramas que enfrentam fazem todo o sentido dentro desta sequência de eventos. Ao ler sobre estas figuras, senti que elas eram humanas, reais, tanto que facilmente as poderia encontrar na rua. Acredito que muitos dos leitores que viveram experiência idênticas conseguem, facilmente, encontrar semelhanças nestas personagens.

Louisa cativa imediatamente. É impossível não sentir a sua dor ou não compreender a sua dificuldade em quebrar barreiras e lutar por um futuro mais feliz. E apesar de ser ela a protagonista, é com agrado que constato que todas as outras personagens também têm bastante força. Afinal, todas enfrentam os seus próprios obstáculos. Todas estão à procura de um objectivo de vida ou, já o tendo definido, da forma como o podem alcançar. É tão fácil sentir empatia por isto. É tão simples observar para estas figuras e acreditar que elas estão lá fora, no mundo real, a lutar pela sua felicidade, tal como nós.

O desenrolar da trama está muito bem conseguido. Ao início, e tal como Louisa, senti o seu desânimo e vontade de perceber o que fazer a seguir. Senti saudades de Will, voltei a questionar as suas decisões e, com o decorrer da narrativa, comecei a ver a luz ao fundo do túnel. Algumas situações eram esperadas, é verdade, mas outras não o eram e ajudaram a tornar esta leitura viciante. Já mais perto do final, voltei a sentir alegria e a acreditar que o mundo tem beleza.

Viver Sem Ti é um livro que fala de luto e que, de uma forma surpreendente e inesperada, consegue estar ao mesmo nível que o anterior. Se ao início tinha receio de que a história de Louisa perdesse força, fiquei feliz por ver que a autora pensou muito bem no que iria acontecer a esta personagem e tivesse explorado isso de uma forma tão real e bela. Adorei este livro e acredito que as aventuras desta protagonista podem continuar. Afinal, ela já parece ser uma verdadeira amiga e, no mundo real, as histórias não terminam. Se gostaram do livro anterior, então não percam este.

Outras opiniões a livros de Jojo Moyes:
Viver Depois de Ti (#1)

domingo, 25 de setembro de 2016

Opinião: Viver Depois de Ti (#1)

Título Original: Me Before You (2012)
Autor: Jojo Moyes
Tradução: Ana Maria Chaves e Márcia Montenegro
ISBN: 9789720045775
Editora: Porto Editora (2013)

Sinopse: 

Lou Clark sabe muitas coisas. Sabe quantos passos deve dar entre a paragem do autocarro e a sua casa. Sabe que trabalha na casa de chá The Buttered Bun e sabe que não está apaixonada pelo namorado, Patrick. O que ela não sabe é que vai perder o emprego e que todas as suas certezas vão ser postas em causa.Will Traynor sabe que o acidente de motociclo lhe tirou o desejo de viver. Sabe que agora tudo lhe parece triste e inútil e sabe como pôr fim a este sofrimento. O que não sabe é que Lou vai irromper na sua vida com toda a energia e vontade de viver. E nenhum deles sabe que as suas vidas vão mudar para sempre. Em "Viver Depois de Ti", Jojo Moyes aborda um tema difícil e controverso com sensibilidade e realismo, obrigando-nos a refletir sobre o direito à liberdade de escolha e as suas consequências.

Opinião:

Já há muito que ouvia falar deste livro. Preferi não prestar atenção. Depois, surgiu uma adaptação cinematográfica e a euforia aumentou. Aí quis tentar perceber o que afinal causava tanto frenesim e decidi comprar o livro. Quando comecei a ler perguntei-me: "Porque não fiz isto mais cedo?". A história cativa imediatamente? Sim. Apaixonei-me pelas personagens? Sim. Ri e fiquei com as lágrimas nos olhos? Mais vezes do que aquelas que quero admitir. E porquê? Porque o livro é bom. Mesmo bom.

Gosto de romances, mas não daqueles que têm uma trama óbvia. Viver Depois de Ti tem alguns lugares comuns, sim, mas cativa rapidamente, surpreende e tem um final inesperado mas muito consistente. Gostei imediatamente de Louisa. Percebe-se logo que é uma jovem dona de um coração enorme, mas julgo que aquilo que mais me chamou a atenção nela foram pequenos pormenores que a tornavam mais real. Compreendi o seu egoísmo em diversas situações, a sua teimosia, percebi a dificuldade em entender os próprios sentimentos e a incapacidade de lutar por uma vida melhor devido à acomodação e falta de confiança. Por muitas vezes quis entrar na história e abaná-la, de modo a fazê-la correr atrás do que a poderia fazer feliz. Mas ao mesmo tempo pensava se não estaria eu na mesma situação que ela.

Will também é uma personagem complexa. Penso que, ao início, só senti simpatia por ele devido à situação em que se encontrava. Afinal, não se pode dizer que tenha uma personalidade adorável. Não tem. Mas à medida que a história ia avançando e que a ligação dele a Louisa ia aumentando, foi possível ver um outro lado deste homem. Consegui compreender perfeitamente a frustração e raiva que sentia a todo o momento e nem sequer consegui imaginar a dor que sofria, tanto física como psicológica. Jojo Moyes, a autora, consegue fazer-nos colocar no lugar nele e pensar no quanto uma situação daquelas nos poderia afetar.

A evolução de sentimentos é feita com subtileza e muita beleza. As personagens ainda não se aperceberam que estão unidas por algo mais forte e nós já estamos a sorrir. Porém, isto não acontece só entre Louisa e Will. As relações com personagens secundárias também estão construídas de forma atenta e perspicaz. A segurança cómoda e pouco entusiasmante com Patrick, por exemplo, fez sentido e transparece a atitude da protagonista perante todos os aspectos da sua vida. O receio perante Mrs. Traynor faz pensar no medo de Louisa lidar com o desconhecido e com aquilo que considera ser superior a ela. Contudo, é maravilhoso ver como ela acaba por ultrapassar tudo isso e crescer.

A certo ponto, o tema da eutanásia acaba por surgir e dominar toda a história, mesmo quando não está lá de forma evidente. A autora faz pensar sobre o valor da vida, sobre até que ponto vale lutar por ela, sobre a liberdade de escolha e sobre o sofrimento de ter a certeza de que nada vai melhorar. Ao mesmo tempo, Jojo Moyes dá-nos a visão de quem fica e tem de lidar com a decisão de um ente querido, mesmo que não se concorde com tal destino. Aqui, não é só a dor da perda que fica patente, mas também a dificuldade em aceitar que o seu amor e dedicação podem não ser suficientes para o outro. Uma lição muito dura.

 Escrito de forma belíssima, Viver Depois de Ti é um romance único que aborda temas difíceis com sensibilidade e até humor. Fico feliz por, finalmente, me ter convencido a pegar neste livro. Agora percebo o por que motivo ele era tão elogiado. Apresenta uma bonita história de amor, que foge ao que é comum e que se parece bastante com a vida real. Com personagens fortes e uma boa narrativa, é um livro que recomendo.

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Fãs de "Harry Potter", já sabem o que vão fazer hoje à noite?

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada ficará disponível a partir da meia-noite, mas antes haverá festa em algumas livrarias do País. A Presença, editora responsável por esta publicação, divulga alguns eventos que estarão abertos ao público. Ora vejam!

FNAC do Columbo:
20h00 - Receção das equipas e realização de testes para a selecção
21h30 - Selecção dos alunos pelo Chapéu Seleccionador
22h30 - Atividades lúdicas pelo grupo de Estudantes de Hogwarts
00h00 - Início da venda do livro animada pelo Estudantes de Hogwarts



Bertrand:
Para receber a edição portuguesa deste livro, 14 livrarias Bertrand abrirão as portas, excecionalmente, às 00.00 h do dia 24 de setembro. Este lançamento especial em algumas destas livrarias contará com a visita de personagens do universo de Harry Potter, bem como muitas outras surpresas que apenas os leitores da saga associarão à mesma.




Ler Devagar/LX Factory:
22.00 h - início do evento
Vão ser recriadas as seguintes personagens:
- Hagrid
- Professora Minerva McGonagall
- Professor Snape
- Bellatrix
- Revisor/Chefe da Estação de Comboios
- Feiticeiro
A Ler Devagar vai contar com momentos de dramatização, meios de som, iluminação e efeitos dentro da livraria, sendo que nesse dia - 23 de setembro - o livro será colocado à venda às 00.00 h. Para este evento, a Lx Factory terá a rua principal cortada ao trânsito (vai ser aberto um novo estacionamento por trás do complexo).

Vão comparecer em algum destes eventos?